• Ana Paula Malagueta Gondim*

Yoga para gestantes no Brooklin; saiba os benefícios da prática


Com a gravidez, surgem muitas mudanças fisiológicas, emocionais e psicológicas. Portanto, nada melhor do que escolher uma prática que trabalhe todas essas esferas. A prática do yoga pode fazer uma grande diferença em sua experiência da gravidez, pois seu corpo passará por muitas transformações, como alteração do peso, forma e química (hormônios) e uma mistura de sentimentos e emoções.

O Yoga então, vem para ajudar no controle emocional, adaptação às mudanças e ao novo papel – o de mãe, assim como ajudará a se preparar física e mentalmente para o parto e o pós-parto (chegada do bebê e as mudanças que serão inevitáveis na rotina).

A prática de yoga para gestantes, desde que feita com um profissional que entenda e saiba respeitar este momento tão único na vida de uma mulher, só tende a ser benéfico – para mãe e bebê.

Se a mulher nunca havia praticado yoga antes, o ideal é iniciar após as 13 semanas com liberação médica. O exercício pode ser feito, se a gestação estiver fluindo bem até antes do parto. As técnicas ensinadas são para preparar a mulher para o parto então, irão ajudar no processo e também na recuperação.

BENEFÍCIOS:

  • Melhora o equilíbrio psicofísico, emocional e hormonal;

  • Ajuda na adaptação ao novo eixo de gravidade;

  • Melhora a respiração, trazendo melhor aporte de oxigênio para o bebê,

  • Tonifica a musculatura e proporciona flexibilidade;

  • Proporciona abertura torácica, ajudando na respiração e fortalecimento da região peitoral, ajudando na preparação dos seios para a amamentação;

  • Prepara a pélvis, períneo, assoalho pélvico e pernas para o parto;

  • Tonifica e flexibiliza a coluna, aliviando dores na região lombar;

  • Alivia prisão de ventre e gases,

  • Melhora a circulação sanguínea e linfática,

  • Desenvolve a propriocepção;

  • Desenvolve e fortalece o vínculo da mãe com o bebê;

  • Desenvolve o poder de sentir, compreender e acompanhar de forma mais consciente o desenvolvimento do bebê;

  • Diminui a ansiedade e o estresse;

  • Desenvolve controle emocional;

  • Relaxa profundamente,

  • É uma prática de autoconhecimento, que auxilia no entendimento e compreensão das transformações que estão acontecendo em seu interior;

  • É uma forma de vivenciar a gestação de forma mais consciente, equilibrada e natural;

Na Casa Moara, temos turmas de segunda à quinta-feira em diversos horários. As aulas são para qualquer gestante interessada, ou seja, não é preciso ser paciente da Casa Moara para fazer as aulas.

*Ana Paula Malagueta Gondim – professora de yoga e praticante há 17 anos, especializada em mulheres, gestantes e pós-parto.

#yoga #brooklin #maternidade #gestante #grávida #gravidz #gestantes #exercícios

120 visualizações

Fotografias por:  Kátia Ribeiro,  Bia Takata, Lela Beltrão, Marcelo Min, Cristiane Pereira e Carla Raiter / Acervo Casa Moara